quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Pausa para a crónica - Falsos Carneirinhos


“A maldade humana tem apenas uma motivação: a busca insana pela superioridade.”
 
Às vezes revolta-me a aptidão que as pessoas têm para complicar tudo. Sei por experiência própria, que existem, pessoas más. Há pessoas que tem como única intenção lixar a vida aos outros.

Essas pessoas invejam tudo o que tens ou fazes, falam mal de ti, mesmo que para isso tenham que inventar histórias. Desejam o mal dos outros, são egocêntricos e quase sempre se acham superiores a tudo e todos.
Este tipo é o tipo de pessoas que não vale a pena. Pessoas com má índole não merecem o nosso tempo. Não se incomodem em fazer perceber alguma coisa a estes seres, porque acreditem que estamos a falar de pessoas extremamente infelizes, por vezes doentes, e que inevitavelmente vão acabar os dias, sozinhos.

Posto isto, passamos às pessoas com a mania que são más, grupo no qual eu me incluo. E que muito sinceramente, eu acho que não é assim tão mau. Eu faço porcaria, claro que sim! Também faço os meus julgamentos, também critico, também tenho atitudes péssimas, também tenho inveja, ciúmes, falta de bom senso. Mas não considero que seja má ao ponto de lixar a vida de alguém. Até mesmo de quem me quer mal, eu não desejo vingança, consigo ignorar e seguir a minha vida, tranquilamente.
Tenho a mania de dar opinião, e faço mal. As pessoas, e quando digo as pessoas, estou a incluir-me também, não estão preparadas para a sinceridade descarada, para a verdade nua e crua. Por ser demasiado directa, sei e respeito que as pessoas me achem fria ou cruel. Na minha opinião, não me desfazer em carinho, em palavras doces ou não demonstrar um lado sensível a toda a hora, não quer dizer que se tenha mau carácter.

Para terminar, o grupo que mais me anda a irritar mais nos últimos tempos. Ando pelos cabelos com esta gente, a sério. Os sonsos, os falsos carneirinhos.

_ Eu sou tão bom, nunca parto um prato, nunca dou um berro, nunca dou um murro na mesa, ando sempre aos abracinhos, o meu amor é perfeito, nunca falo mal de ninguém e o mundo é lindo e a minha vida é perfeita!

Não suporto pessoas dissimuladas, e também por experiência própria, sei que estas pessoas são piores que as do primeiro grupo. É que a vida desta gente pode ser uma perfeita merda, uma ilusão de felicidade, mas elas vão ficar muito mais satisfeitas se a tua vida for aparentemente pior que a delas. Enganam bem.

Ninguém, percebe, mas estão sempre de olho em tudo o que fazes, tens, ganhas, consomes, vives, comes, vestes, usas, dizes, cagas. Que irritação!

Pessoas que precisam de se sentir superiores, nas coisas mais banais. Na riqueza, no carro que conduzem, na casa que têm, na roupa que vestem, na vida que levam, e vida essa que tem de ser vista para provar aos outros que são “os melhores”.

Engana-se quem pensa que a vida é para ser exibida, a vida é para ser aproveitada.

Agora sim, para terminar, nem tudo é mau. Existem pessoas com tão boa índole que nem podem ser colocadas, nestas caixas. Acreditem, elas existem… e felizmente, eu conheço uma ou duas.

Já me chateie muito com isto. Mas sinceramente? Esta na hora de mudar, fazer alguma coisa para viver em paz, com os males do mundo. Valorizar, ficar agradecidos pelo que somos, e deixar que os outros vistam a pele que quiserem.